6 de mai de 2010

Sensação estranha a de sermos marionetes nas mãos do destino; ou que seja nas de Deus, ou mero resultado de combinações entre ações e reações, dá no mesmo - é a nossa impotência! Não vou escrever outra vez sobre karma. Há história mal resolvidas, pessoas que chegam e que somem na poeira... Não penso nessas coisas, apenas constato. Amanhã vou acender um incenso em homenagem a uma querida pessoa que vai passar por uma cirurgia... Fui convidado a almoçar com três queridas amigas, acho que estou me tornando uma pessoa mais sociável. Domingo é dia das mães, vou fazer uma surpresa à Taitai. No fim das contas, penso que vou morrer sendo eu mesmo e não importa quantas vezes isso vá me fazer sofrer... Então, vamos contar agora a história daquele cara que gostava de... conte você que eu vou comer agora!

Nenhum comentário: