3 de abr de 2010

O SUOR E A CERVEJA

Cheguei. Há dias em que nem a melhor cerveja do mundo cai bem. Interessane o nome: Devassa. Logomarca provocante, gostei. Estou cansado e praticamente sem assunto. A única coisa digna de menção que me veio à mente é o trabalho duro deste pessoal que não tem feriado ou dia santo, trabalham e trabalham, para satisfazer o cliente e dar lucros ao patrão. Ontem foi o garçom que atendia sozinho aos clientes num rodizio de pizzas (!) e hoje são as moças que servem até o último cliente, como dizem com certa satisfação (?). Colocam na mesa não apenas cervejas e salgadinhos, mas sua própria juventude - irrecuperável, digamos. Mas o que une o garçom e as garçonetes é o fio de suor que escorre no meio de suas faces, essa marca de dignidade que caracteriza as pessoas que escolheram o caminho do trabalho e da legalidade...

Um comentário:

Silvana Persan disse...

um amigo disse certa vez: trabalhe no setor da educação, eles enforcam o feriado, tem recesso e ainda aparecem num barzinho no fim de semana, reclamando de ter que dar os 10% do garçon.
nao é o meu caso, mas é o de muitos.