4 de out de 2009

A ÓRFÃ

A Órfã é um filme de suspense com todos os ingredientes. Eu saí do cinema me perguntando como é que uma menina pode interpretar um papel daquele sem ficar com trauma. E não é que já me perguntaram o que penso quando escrevo no blog! Vou responder então: nada. Rigorosamente nada. Seria um diário, não fossem os mal olhares e as interpretações duvidosas. Algumas vezes me aqueço antes de escrever coisas mais sérias em outras divago ou reclamo da vida, coisas assim. Penso no filme, relembro a pizza, ligo no Pânico e confiro meus emails. Vou dormir cedo, o domingo termina com gosto de chocolate de canela.

Um comentário:

Aline disse...

Não consigo entender...você escreve textos interessantes, compartilha seu saber, faz rir, indica filmes...e alguém ainda faz interpretações duvidosas?!
Tem gosto de chocolate com pimenta...rsrs...ADORO!!!