4 de out de 2009

O PÃO E A PESQUISA

Destaca-se no jornal a notícia de que há mais farmácias que padarias na atualidade. Imediatamene os comentários giram em torno da medicalização da sociedade, dos lucros obtidos pelas farmácias e o hábito que o brasileiro tem de se automedicar. Será que ninguém imagina que as padarias estão em franca decadência por conta da concorrência com os supermercados? E se as padarias perderam espaço, as farmácias para sobreviver vendem praticamente de tudo. Na padaria só se compra pão, pois os demais produtos ali comercializados têm preços muito mais altos. Adoro pão, que não me faz mal ou enjoa - quentinho com manteiga é tudo de bom... Fica aqui mais uma crítica, ainda que ligeira, às pesquisas quantitativas e suas interpretações rasteiras ou tendenciosas.

Nenhum comentário: