17 de ago de 2009

GLOBO X RECORD

A guerra entre Globo e Record pela audiência tem muitos rounds. O mais recente girou em torno das denúncias contra o bispo Macedo. A opinião pública reagiu indignada diante dos palácios e riquezas obtidas pela exploração dos dizimistas. Tenho uma opinião pouco convencional. Sou sempre favorável à liberdade: quer dar seu dinheiro todo ao bispo? Faça-o. O problema não é meu, não dou um mísero centavo. Muitos desses miseráveis que despejam seus níqueis nas mãos dos iníquos pastores provavelmente torrariam seus tostões em cachaça. Por outro lado, a Rede Globo não é "Nossa Senhora da Ética", pois sempre esteve ao lado do poder e dele faz parte. E não admite concorrência. A Record conta com toda a má vontade dos críticos da Igreja Universal. Mas a parada é dura e promete um embate acirrado. A Universal/Record dispõe de muito poder e tentáculos no Congresso, não será fácil derrubá-la.

Um comentário:

Aline disse...

A Record já começou o ataque...A reportagem da semana deve ter feito o R.M. virar no túmulo...A ditadura militar, falsificação de documentos e o eterno jogo de interesses foram as "armas" da emissora...
Prefiro contribuir com quem precisa... Tem muito "religioso" desfilando de carro importado...Fundar igrejas se tornou um bom negócio, rentabilidade garantida...rs...Vamos ao próximo round.