24 de ago de 2011

CONFIANÇA

Ao longo de minha vida sempre ouvi falar das coisas do mundo sobrenatural. Conheci pessoas que diziam incorporar espíritos e vi de perto muitos episódios cuja explicação é difícil. Porém, nunca tive medo de fenômenos definidos como paranormais. Entretanto, nunca me senti bem diante de pessoas com problemas mentais, principalmente os que podem ser perigosos. Li em Giddens a constituição dos mecanismos de confiança - aspecto psicossocial fundamental para a convivência. Sem confiança não há tranquilidade, por exemplo, como dormir ao lado de uma pessoa que pode lhe matar na calada da noite? Uma aluna me dissse ter um tio problemático, que a todo instante quer lhe agarrar. A família não conseguiu mantê-lo internado por muito tempo e a única coisa que ela pode fazer é se manter afastada dele. Para conviver é necessário confiar e pessoas com problemas mentais ou desvios de caráter não são confiáveis. Gente ambiciosa e sem escrúpulo são ainda piores que os doentes em termos de confiança...

Nenhum comentário: