25 de ago de 2011

COMBUSTÍVEIS

Durante muito tempo o Brasil lutou contra o etanol de milho. Em fóruns internacionais, denunciou os subsídios do produto americano e anunciou as vantagens do combustível de cana-de-açúcar. No estilo Odorico, as autoridades brasileiras praticamente anunciavam o álcool brasileiro como a solução para o problema energético do mundo. Hoje, ouvi no rádio que os americanos finalmente capitularam e cogitam comprar etanol brasileiro. Há um pequeno problema. Não há etanol no Brasil, nem na quantidade necessária ao abastecimento do mercado interno. Simplesmente, disse uma autoridade, falta cana no país. A ausência de investimentos no setor provocaram a estagnação e indicam dificuldades nos próximos anos. Definitivamente, este não é um país sério...

Nenhum comentário: