14 de jul de 2009

MARCAS

Existe uma calçada da fama em nosso peito. Ou seja, pessoas que marcam, que geram influências de longo prazo em nossas vidas, para o bem ou para o mal. Eu gostaria de saber se já fiz uma marca tão grande, mas não tenho como obter a informação. Por trabalhar com educação devo ter contribuído para a trajetória pessoal de muitos, mas devo ter cometido falhas, o que é normal quando se lida com muita gente. Eu até hoje tenho a consciência pesada com Elaine - ela disse que fui muito indelicado em certa ocasião. Não me lembro, sinceramente; hoje ela é uma amiga querida. Pessoas que marcam... Eu me lembro de algumas. Do falecido tio Nélio... hum... e também do Renato, vulgo Renatinho, professor de inglês, homosexual que cantava clássicos no banheiro comum aos barracos, enquanto a molecada debochava do lado de fora - eu era um deles. A lembrança não é apenas por isso, mas porque ele entregou a minha mãe uma pilha de cadernos para que eu os tivesse na escola. Caramba! Não tenho como mencionar todas as pessoas que marcaram, mas seguramente o número de esquecidos é bem maior.

5 comentários:

Anderson disse...

Mestre;
Não falo inglês. Por isso minhas lembranças músicas são inspiradas na flor do Lácio.Há uma música que após a leitura de sua crônica, me veio à mente:
"Permanentemente preso ao presente/ o homem na redoma de vidro/ em raros instantes/ de alívio e deleite/ ele descobre o véu/ que esconde o desconhecido/ o desconhecido/ é como uma tomada a distância numa grande angular/ é como se nunca tivesse existido dúvida/ existido dúvida/
Evidentemente a mente é como um baú/ o homem é quem decide/ o que nele guardar/ mas a razão prevalece/ impõem seus limites/ e ele se permite esquecer de lembrar/ esquecer de lembrar/ é como se passase a vida inteira/ eternizando a miragem/ é como o capauz negro/ que cega o falcão selvagem/ o falcão selvagem/ se na cabeça tem um porão/ onde mora o instinto e a repressão/ o que é tem no sótão?"
Olho de peixe(Lenine)
Abraços, captain my captain

Daniela disse...

Claro que você já deixou uma grande marca em alguém! Com suas idéias, palavras, gestos e mistérios...Boas ou não, as marcas estão lá! rs

BTV disse...

Você tem o dom das palavras!!! E meu bem faz marcas tão profundas que nem imagina... As vezes diz coisas que me fazem chorar quase instantaneamente, as vezes não me deixa dormir, as vezes me faz rir sem parar... Não tenha dúvidas não terei como esquecer de você meu, querido amigo!

Aline disse...

Marcas...muitas pessoas passam por nossas vidas, algumas deixam seu perfume para sempre. Lembro da minha professora da classe de alfabetização..."tia" Tereza...pessoa maravilhosa, nasceu para alfabetizar...e olha que já se passaram 300 anos! Ainda posso escutar sua voz...Vieram amigos, que se transformaram em irmãos...e tem você que admiro como profissional e pessoa. Seu perfume é para sempre...

Sutilmente...

E quando eu estiver
Triste
Simplesmente
Me abrace
E quando eu estiver
Louco
Subitamente
Se afaste
E quando eu estiver
Bobo
Sutilmente
Disfarce...

Mas quando eu estiver
Morto
Suplico que não me mate não
Dentro de ti
Dentro de ti...

Mesmo que o mundo
Acabe enfim
Dentro de tudo
Que cabe em ti...
(Skank)

Nane disse...

Meu amigo, parece coisa de doido, mas hoje eu estava revendo a minha defesa de monografia e lá estava você me apoiando. Bom, no fim você conta ao Léo Bahiense sobre o episódio que você comenta aqui. Sabe, eu nem ligo mais para o tal "fora", acho que ele deixou mais marcas em você que em mim. Se perdoe, pois eu já o perdoei logo na primeira mariola. Mas se quer saber se deixou alguma marca em mim. Sim, e como deixou. Marcas boas, não só as do JG Mestre, mas do meu amigo. As vezes eu demoro para fazer uma visita, mas é só pela falta de tempo porque você tem um lugar cativo no meu coração. Então esquece o nosso primeiro encontro, as marcas que estão suas em mim são como as da nossa última conversa, quando eu estava aflita e você me deu atenção e conselhos e disse estar preocupado comigo. Isso vale mais que o 9,5 da minha monografia. Por isso João, eu posso te dizer uma coisa que digo a muitos poucos EU AMO VOCÊ MEU AMIGO. Ah! Se todas as indelicadezas que fizeram comigo na vida fossem de pessoas como você.